Em seu trabalho, com certeza existem dois tipos de serviço: os programados e os urgentes. No primeiro você tem um prazo a cumprir, enquanto o segundo é para ontem.

Sempre que preciso cumprir alguma urgência, fecho MSN, Twitter e qualquer outra mídia social online que possa me interromper, porque isso aumenta minha produtividade. Embora eu não consiga render tanto de forma instantânea com elas acessadas, tem gente que não consegue trabalhar sem acessa-las. Mas por que isso acontece?

Redes Sociais no trabalho

Qual a primeira coisa que você faz quando liga o computador? Eu acesso o MSN, abro meus e-mails, faço loggin no Twitter. Independentemente de estar ligando o computador para jogar, falar com amigos ou trabalhar, isso se tornou um ritual.

Antes de começar a desenvolver qualquer trabalho, eu o visualizo mentalmente. Penso e estruturo na minha cabeça qual o formato do que vou produzir, para ter uma noção de onde posso mexer e como começar. De vez em quando até pego uma folha de papel para desenhar um mapa mental e facilitar esta etapa.

Quando vou trabalhar noto que certas coisas me atrapalham, e a pior delas é o MSN. Ao começar a engrenar uma ideia, um texto ou um projeto, é comum alguém puxar algum assunto. O Twitter também não fica para trás, pois tenho de ver sempre as últimas atualizações.

Isso faz com que se perca uma linha de raciocínio para o desenvolvimento do trabalho, o que demanda tempo, pois cada vez que vai ver uma janela do Messenger ou dar uma olhada numa rede social online, você para o que está fazendo.

Mas então, o que fazer?

Redes Sociais para o trabalho

Calma, utilizar qualquer mídia social no trabalho não decreta o fim da sua produtividade, basta saber usá-la. Vamos partir de um princípio: qual o objetivo do seu trabalho? Produzir. Este é o foco que você deve ter quando está sentado na frente do seu computador.

Se algo atrapalha a sua produção, você deve repensá-lo.

No momento em que essa mesma coisa acrescenta algo à sua produção, você deve mantê-la.

Em outras palavras, não é errado usar o Messenger no trabalho, desde que você utilize de forma profissional, como para manter relacionamento com clientes ou parceiros da sua empresa. O Twitter pode ser uma excelente ferramenta, porque pode lhe oferecer artigos interessantes para o desenvolvimento do seu trabalho ou atualizações instantâneas sobre temas. Mas convenhamos que compartilhar como você acordou e ver o que seus amigos vão fazer hoje não lhe acrescenta muito no trabalho. E o mesmo vale para o Skype, Orkut, Facebook, LinkedIn, dentre outros.

Claro que não é estritamente proibido conferir seus perfis nas redes que participa, desde que o faça com responsabilidade. A sua produtividade eficiente é a alavanca para o seu sucesso profissional. Será que vale a pena compromete-la para ficar batendo papo no trabalho?

2 Responses

  1. Ricardo Rosa

    Olá,

    Você é nosso convidado para assistir aos bastidores do maior evento de mídias sociais do país, Social Media Brasil, tema do Programa Avesso dessa semana.

    O evento contou com palestras de Edney Souza ( Blog Interney ), Julio Vasconcellos ( Facebook Brasil ), Marcelo Vitorino ( Blog Pergunte ao Urso ), entre outros.

    Acesse: http://www.avesso.com.br/site/?p=2119

    E fique por dentro de tudo que rolou!

    Grande abraço,
    Programa Avesso.