Que o planeta está passando por vários e graves problemas ambientais todo mundo sabe. Aquecimento global, chuvas homéricas, inundações, secas, enfim. Triste é perceber que as consequências das atitudes impensadas do ser humano são muito maiores do que a sua própria atitude.

Acredito que você já saiba o que pode fazer em casa para não agredir tanto o meio ambiente, mas e no trabalho?

meio-ambiente-01

Segue uma listinha de pequenas (e boas) ações a serem tomadas diariamente no seu trabalho para ajudar a preservar o planeta.

  1. Impressões desnecessárias
    Quantas páginas você imprime por dia no trabalho? Aposto que bem menos do que em casa, certo? Mas este não é o foco… A questão aqui é: quantas destas páginas você simplesmente joga fora porque saíram com algum erro de impressão e precisam ser impressas novamente? Quantas dessas páginas você realmente utiliza?Antes de imprimir qualquer material, faça as seguintes perguntas a si mesmo:
    • Já revisei esta página?
    • Eu realmente preciso deste material impresso ou estou apenas apostando no meu conforto?
    • Posso imprimir este material em modo “frente e verso” para economizar papel?
    • Posso imprimir este material em modo “econômico” para poupar tinta?
    • Posso não imprimir?

    Essas pequenas ações poupam o meio ambiente da agressão causada pelo desmatamento para produção de papel e da poluição gerada pelas misturas químicas na fabricação das tintas das impressoras.

    Verifique também a possibilidade de utilizar papel reciclado no seu trabalho, utilizar folhas impressas apenas em um lado como papel para reutilizá-las como rascunho e, quando não houver mais como utilizar as folhas, acumule-as para encaminhar ou vender para empresas e organizações especializadas em reciclagem.

  2. Computadores ligados à toa
    Um computador ligado “direto” (sem interrupções) pode gastar aproximadamente 180KWh/mês (dependendo da potência do micro). Isso chega a custar R$37,80 (valor do KW em Brasília) por computador para uma empresa,  já o custo para o planeta é imensurável. Considerando que normalmente o horário de trabalho é das 8:00 às 18:00 e que os computadores fiquem desligados após esse horário, podemos reduzir este gasto em 14 horas (cerca de 58%).
  3. Água em abundância
    Torneira aberta desnecessariamente? Tsc, tsc. Sem comentários. E já que o assunto é gasto de água, lembre-se: vaso sanitário não é lixeira. Utilizá-lo desta forma é um atentado contra a natureza, pois dificulta muito o tratamento dessa água e pode provocar entupimento da rede de esgoto.
  4. Faça-se a Luz
    Vai sair? Apague as luzes. Será que você pode utilizar iluminação natural ao longo do dia e acender as lâmpadas no fim da tarde/início da noite? Que tipo de lâmpada é utilizada no seu ambiente de trabalho? Lembre-se que as lâmpadas fluorescentes são mais econômicas.
  5. O ar condicionado
    Abra as janelas!!! Nem sempre o calor é tão insuportável que não possa ser combatido sem o ar condicionado. Aproveite a corrente de ar formada por portas e janelas abertas para refrescar o ambiente. Quando utilizar o ar condicionado, feche portas e janelas para evitar a troca de ar frio do ambiente interno com o ar quente externo e desligue o aparelho quando o local for ficar sem ninguém presente durante um bom tempo.
  6. Descarte o descartável
    Quantas vezes você toma água por dia? Bom, eu que quase não bebo água (que o digam minhas duas cirurgias para retirada de cálculo renal) tomo cerca de quatro copinhos de água diariamente. Quatro. E café? Uns dois por dia? Pense! Seis copos descartáveis por pessoa, por dia! Que tal adotar uma garrafinha de água ou copo para uso pessoal e uma xícara ou caneca para o cafezinho?

O planeta agradece!

About The Author

Bacharel em Biblioteconomia pela Universidade de Brasília (UnB), atua nas áreas de gestão da qualidade e gestão da informação desde 2006. Interesse em gerência de projetos, gestão do conhecimento, sistemas de gestão da qualidade, biblioteconomia, restauração de documentos e (claro!) livros e literatura. Muito abrangente? É o poder do profissional bibliotecário, que funciona de A a Z.

2 Responses

  1. Bruno

    Parabéns, pelo texto. Só discordo do consumo do PC; claro, há configurações que consomem até mais que 180Kw/mês mas em média não é tudo isso. As empresas poderiam adotar PC de baixo consumo para uso geral e deixar os "gulosos" somente onde necessário.