Terminou a faculdade! E agora?

Hoje, há tantas faculdades por aí que ter curso superior não é mais privilégio de tão poucas pessoas. Com isso vem crescendo a competitividade no mercado de trabalho e não dá mais para parar por aí.

Esse é o início de uma série de artigos que trata das diferentes opções que o profissional de T.I. tem para continuar os estudos e melhorar seu perfil. Serão abordados os prós, contras e alguns tipos de cada opção.

Nesta primeira parte da série, iremos falar sobre as certificações.

A certificação é um atestado que diz ao empregador que você está apto para lidar com determinado assunto. Esse atestado é dado por uma empresa especializada e é obtido através de uma prova, normalmente, bem complexa. Fora isso, o preço total para se fazer a prova e conseguir passar (cursos, livros e materiais didáticos) não é lá muito convidativo.

Em contrapartida, ao ver que um candidado à uma vaga tem uma certificação de interesse, o empregador saberá que ele está apto a dar consultorias sobre o assunto. Isso mesmo! Com uma certificação você se torna um consultor e como tal, seu salário será diferenciado dos outros profissionais devido ao seu elevado conhecimento.

As certificações mais procuradas pelos profissionais de T.I. são divididas, basicamente, em 3 áreas:

  • Desenvolvimento (linguagens, arquiteturas, etc);
  • Banco de dados (administração de banco, administração de dados, etc);
  • Organização (métodos de organização empresarial).

Desenvolvimento:

As certificações dessa área são normalmente emitidas por empresas que desenvolveram linguagens. Atestam que o certificado conhece a fundo a linguagem em determinada área. À seguir, alguns exemplos de empresas e suas certificações:

  • Sun: Empresa criadora da platadorma Java de desenvolvimento. Possui várias certificações e a mais procurada é a sua certificação de conhecimentos básicos de java, a SCJP (Sun Certifyed Java Programmer). Essa é apenas a certificação básica e é pré-requisito para as outras certificações: SCJD (Sun Certifyed Java Developer), SCWCD (Sun Certifyed Web Component Developer), SCEA (Sun Certifyed Enterprise Architect), etc. Clique aqui para ver todas as certificações oferecidas pela SUN;
  • Microsoft: Empresa criadora de linguagens, ferramentas e metodologias amplamente utilizadas no mercado. Sua certificação básica é a MCP (Microsoft Certifyed Professional) e é pré-requisito para todas as outras. Clique aqui para ver as certificações oferecidas pela Microsoft.
  • Linux: Esse é um sistema operacional muito utilizado pelos administradores de rede pela sua grande configurabilidade. A certificação básica é a LPI – JLA (Linux Professional Institute – Junior Level Administrator) e algumas avançadas são a LPA (Linux Professional Administrator), LPN (Linux Professional Network) e LPS (Linux Professional Server).
  • PHP: Essa é uma linguagem muito difundida para sites de pequeno/médio porte. É leve, robusta e adequável à muitas arquiteturas, fora ter custo zero. A empresa que fornece a certificação dessa linguagem é a Zend.

Banco de dados:

  • Oracle: É o banco de dados mais conceituado do mercado devido à sua robustez. Além de utilizar o padrão SQL, possui uma linguagem própria de programação (PL/SQL) que serve para fazer blocos de tratamentos de dados, trazendo um pouco da camada de negócio para o banco. Sua certificação básica é a OCA (Oracle Certifyed Associate). Suas principais extensões são a OCP (Oracle Certifyed Professional) e OCM (Oracle Certifyed Master). Além dessas, possui muitas outras certificações avançadas voltadas para assuntos específicos tal como web, finanças e analista de negócios.
  • Microsoft SQL Server: É o banco de dados da Microsoft. É também muito respeitado no meio. Sua principal certificação é a MCSA (Microsoft Certifyed Server Administrator).
  • MySQL: Esse é um banco de dados que tem crescido muito nos últimos anos. Sempre foi muito respeitado para aplicações de pequeno/médio porte, mas com suas novas atualizações e focos, muitas empresas tem começado a optar por esse banco. Atualmente, possui duas certificações: CMDEV (Certifyed MySQL 5.0 Developer) e CMDBA (Certifyed MySQL 5.0 Database Administrator).

Organização:

  • IFPUG: Essa é uma organização especializada em gestão por pontos de função. Ela contem uma base de dados muito grande com dados de produtividade das mais variadas linguagens, arquiteturas e tecnologias. A certificação oferecida é a CFPS (Certified Function Point Specialist), o qual você se torna um especialista em análise por pontos de função. É uma certificação muito interessante para quem tem contato direto com análise de sistemas.
  • ITIL: Essa é uma biblioteca de boas práticas desenvolvida no final dos anos 80 pela CCTA (Central Computer and Telecommunications Agency) e atualmente sob custódia da OGC (Office for Government Commerce) da Inglaterra. Consiste em um conjunto de livros que promove a gestão com foco no cliente e na qualidade dos serviços de tecnologia da informação (TI). Sua certificação básica é a Foundation Certification que visa ensinar o básico do ITIL para o profissional, tornando-o apto para realizar as certificações avançadas (Practitioner Certificate e Manager’s Certificate).
  • Rational: Essa empresa criou um processo de engenharia de sofware chamado RUP. Esse processo é amplamente difundido no meio profissional e consiste em um conjunto de técnicas (voltadas à orientação a objetos) a serem seguidas pelos membros da equipe de desenvolvimento de software com o objetivo de aumentar a sua produtividade. Clique aqui para ir à certificação no site da Rational.
  • PMI: Essa é uma certificação globalmente conhecida dentro da área de Gerenciamento de Projetos. É fornecida pelo institudo PMI (Project Management Institute) e engloba um conjunto de condutas que o profissional deve ter para gerenciar um projeto havendo ganho máximo. São 3 certificações. Sua básica é a CAPM (Certified Associate in Project Management), direcionadas à membros de um grupo de trabalho. As avançadas são PMP (Project Management Professional) e PgMP (Project Managament Profesional).

[updated]Na próxima parte da série iremos falar sobre MBA pós graduação. Até a próxima!

Outros artigos da série:

About The Author

Empresário (CEO da agência de comunicação PIBIT) e consultor de tecnologia da informação e comunicação digital, é o fundador e editor do blog Produzindo.net. Se dedica a essa atividade pela paixão que tem pelo lema que tomou para a sua vida: “aprender para ensinar”.

3 Responses

  1. Gustavo Sales

    Seria interessante uma certificação em metodologia ágeis de desenvolvimento, como o Scrum Master Certified.